3 dicas para quem tem pouco espaço no home office

Repensar cada espacinho da sua casa pode te ajudar a criar um novo ambiente de trabalho



Com o isolamento social causado pela pandemia do novo coronavírus, trabalhar em casa se tornou uma realidade para milhares de pessoas. Conciliar a rotina do lar com as funções do home office, no entanto, não é tarefa fácil e exige, além de comprometimento, um cantinho para fazer de escritório e se concentrar nas funções. Para te ajudar nesta missão, principalmente se você tem pouco espaço, listamos 3 dicas para a montar seu novo ambiente de trabalho.

Aproveite pequenos espacinhos da casa
Um curto espaço entre um móvel e outro, se bem pensado, pode se tornar o local ideal para organizar uma mesa de home office minimalista e funcional. De repente, vale se alocar no tapete da sala e usar a mesinha de centro, transformando o ambiente, ou fazer do balcão da cozinha um ótimo anfitrião para seu computador e agenda. Lembre-se: é tudo uma questão de perspectiva. 


Use móveis multifuncionais
Talvez, você não tenha espaço suficiente para uma mesa de escritório, mas pode repensar a função dos móveis que já tem ou comprar algo que tenha várias possibilidades. É o caso da mais recente criação da loja Securit, pensada especialmente para o home office. Chamado de Filial, o móvel é um armário discreto que, quando aberto, se torna um escritório adaptado, funcional e ergonômico. Feito em aço, é possível locomover facilmente a estrutura para outros espaços e se organizar conforme a demanda nas gavetas e prateleiras. 

Preste mais atenção na varanda, quintal ou quarto de hóspedes
Já imaginou montar um cantinho ao ar livre e com mais iluminação? Usar sua varanda ou quintal pode ser a solução para criar este ambientes, que também pode ser muito confortável. Esta também é uma saída para quem precisa compartilhar o home office. Se seu parceiro de isolamento, usa a sala ou o escritório, repensar outros cômodos, como o quarto de hóspedes, pode ser a solução. Basta investir em uma mesa, cadeira ou repensar a função de outras peças da mobília. 

Fonte : Vogue

Comentários