Desembargadora Ivone Caetano inspira personagem de novela da TV Globo



Titular da Corregedoria Geral Unificada do Estado do Rio de Janeiro, a desembargadora Ivone Caetano foi inspiração para a atriz Erika Januza criar a personagem Raquel, a juíza da novela “O Outro Lado do Paraíso”, da TV Globo. Além da cor da pele e do preconceito sofrido ao longo de suas trajetórias, as magistradas da vida real e da ficção compartilham histórias de superação.



Erika e Ivone se conheceram após uma palestra da desembargadora na EMERJ (Escola de Magistratura), antes do início da novela. Marcaram uma longa conversa na sede da Corregedoria e até hoje trocam mensagens pelo WhatsApp.

“Dizem que a arte imita a vida ou vice-versa e está tudo muito bem colocado (na novela), até na postura da Erika. Ela disse que aprendeu até os meus gestos. Erika é uma pessoa muito capaz. Só acho que, apesar de a Globo e o autor (Walcyr Carrasco) conduzirem bem, a denúncia do racismo e a exibição de pessoas negras bem sucedidas poderia ter sido há 20 anos”, conta a corregedora.

Em entrevista ao caderno Ela, do jornal O Globo, Erika contou que a história de vida da primeira mulher negra a se tornar juíza e depois desembargadora do TJ-RJ serviu de inspiração para compor a personagem Raquel. Ivone é filha da lavadeira Josepha, que criou sozinha os 11 filhos.



Opinião da Preta : Desembargadora Ivone Caetano , sem dúvida é mulher que brilha, mulher inspiradora !

Comentários