Depois de AVC, Arlindo Cruz aparece comendo sozinho e vídeo emocionante é publicado pelo filho

Arlindo Cruz e os filhos (Foto: Divulgação)


O cantor Arlindo Cruz sofreu um AVC em março 2017, ficou internado mais de um ano, teve alta em julho de 2018 e agora está em casa em um processo delicado de recuperação.

Seu filho, o também cantor Arlindinho, postou em sua rede social um vídeo emocionante em que mostra Arlindo Cruz comendo sozinho.

Na legenda, Arlindinho escreveu: “Mãe, você é a prova de que devemos sempre acreditar em nossos sonhos, você nunca desistiu dele e pai, ‘Deus está aqui pra te levantar, se o mundo te fizer cair’. Eu acredito no milagre! Meu pai está conseguindo”.

Os fãs de Arlindinho e Arlindo Cruz se emocionaram com a publicação e comentaram: “Arlindo Cruz meu grande ídolo do samba brasileiro que deus te abençoe te de muita saúde amém”, comentou uma fã. “Sabemos que essa luta pode ser vencida… As vezes demora, mas acontece né mãe… Me emocionei, feliz pela evolução!!!!” escreveu outro seguidor.

Nesse próximo carnaval, Arlindo Cruz será homenageado pela escola de samba X-9 Paulistana com o enredo: “O show tem que continuar! O meu lugar é cercado de luta e suor. Esperança num mundo melhor”.
BABI CRUZ, ESPOSA DE ARLINDO CRUZ, TRANSMITE O ENSAIO DE CARNAVAL AO VIVO PARA O CANTOR

A esposa do cantor Arlindo Cruz, Babi Cruz fez uma transmissão ao vivo para o cantor do ensaio técnico da escola de samba X-9 Paulistana, que esse ano irá homenagear o cantor com o samba enredo: “Meu lugar é cercado de luta e suor, esperança num mundo melhor! O show tem que continuar.”

Arlindo Cruz está em processo de recuperação de um AVC que sofreu em 2017 na sua residência. O cantor chegou a ficar internado por mais de um ano, e recebeu alta em julho do ano passado. Em setembro, Arlindo completou 60 anos. Seu filho, Arlindinho chegou a fazer um desabafo nas redes sociais sobre a importância de não desistir, enquanto existir chances: “O médico cancelou a fono [fonoaudióloga]. Falou que ele não teria condições de voltar a falar ou mexer a boca e mandou cancelar. Minha mãe que negou: ‘Não, mas não tem a possibilidade mínima? Ele vai voltar a falar, sim, ele vai abrir a boca, ele vai comer’. Então, ele voltou a mexer a boca e o médico pediu desculpas”.

O samba sempre esteve presente na família Cruz, Babi Cruz foi porta-bandeira durante vários anos pela escola de samba Mocidade Independente de Padre Miguel, no Rio de Janeiro: “Arlindo defendeu muito samba enredo em São Paulo, mas nunca ganhou nenhum. Hoje, ele se torna enredo e isto é especial.”

Comentários