Em entrevista, Gloria Maria fala sobre os 45 anos do “Globo Repórter”



Gloria Maria virou a 'rainha dos memes' desde que entrou no "Globo Repórter" (Imagem: Reprodução / Globo)

Aos 45 anos de existência, o “Globo Repórter” é, por si só, parte da história da televisão brasileira. E o mesmo pode se dizer do time que está nele. Desde a apresentação às reportagens, grandes nomes do jornalismo falaram sobre como é trabalhar na atração comandada por Sérgio Chapelin.

Ao jornal “O Globo”, Glória Maria disse ter aceitado virar a “rainha dos memes”, mas que por trás das reações engraçadas, é preciso ter muita coragem. “Mostramos pessoas e sentimentos. O terrorismo e o Estado Islâmico mudaram o mundo e a nossa forma de viajar. Não sou corajosa, sinto medo, faço as coisas no susto, e não tenho medo de pagar mico”, afirmou.

E o que pensa Chapelin, responsável por guiar o “Globo Repórter” do estúdio, com sua voz inconfundível? Há mais de 35 anos no programa, fôlego é o que não falta. “Faço 77 anos (em maio). O Léo Batista está na ativa aos 85. Quem sabe terei fôlego para apresentar o “Globo Repórter” por mais dez anos e comemorar os 55 anos no programa?”, brincou.



Comentários