A homenagem de Viola Davis à luta e história de Marielle Franco, vereadora assassinada no Rio de Janeiro

Marielle Franco, veradora do Psol, e Viola Davis, em discurso na 'Marcha das Mulheres' em 2018 / Foto: Mídia Ninja - Getty Images


"Eu apoio e luto com vocês, Brasil. Viva Marielle e Anderson!", escreveu a atriz em seu Instagram.

Para Viola Davis, Marielle Franco, assassinada no Rio de Janeiro no dia 15 de março, foi uma "mulher forte". A atriz norte-americana, na tarde desta terça-feira (20), prestou uma homenagem à vereadora do Psol e a Anderson Pedro Gomes, motorista que também foi morto junto com ela na ação criminosa.

"Acabo de saber sobre esta mulher corajosa, #MarielleFranco, que lutou pelos direitos dos pobres nas favelas", escreveu nas redes sociais a ganhadora do Oscar de melhor atriz coadjuvante pelo longa Um limite entre nós (2016). "Eu apoio e luto com vocês, Brasil!!", continua. "Viva Marielle e Anderson!!!", ela conclui.

A morte de Marielle ganhou repercussão internacional: O The New York Times e o The Guardian foram alguns do jornais a noticiar morte da vereadora, assim como o The Washington Post, que estampou o caso em sua manchete nesta terça-feira (20).


A reportagem do Washington Post afirma que Marielle se transformou em um "símbolo global" e lembra uma fala da parlamentar: "Em uma sociedade que se vê como pós-racial, a matança não era apenas uma guerra contra os pobres. Mas contra os negros.

"Nesta terça (20), assim que Viola Davis publicou a homenagem, o nome da protagonista de How To Get Away With Murder ficou entre os assuntos mais comentados no Twitter no Brasil.

Fonte : HuffPost Brasil

Comentários