Novas rodas de samba ganham o Rio, em resistência ao fechamento de casas importantes




Há um tom diferente no samba. Diante do fechamento de casas emblemáticas para o gênero musical — em menos de um mês, lugares como Estudantina, Semente e Candongueiro cerraram as portas — e das burocracias cada vez maiores para eventos em locais públicos, o batuque reassume o posto histórico de resistência. A cuíca chora sem derrubar lágrimas, porém. Por todos os cantos do Rio, novas rodas brotam das calçadas e botequins para reforçar a agenda semanal dos tamborins.


É como se o samba estivesse se renovando. Claro que ficamos preocupados e tristes, mas somos resistentes. Aconteça o que acontecer, sempre estaremos na rua, o nosso quartel-general — ressalta Xande de Pilares, que retoma seu evento mensal em Bento Ribeiro, no domingo, num horário mais cedo, por causa da violência da cidade: — A gente vai se adequando para não perder a alegria!


Apesar dos pesares, realmente ninguém desiste. Às segundas — faça chuva ou faça sol — o Samba do Trabalhador, no Renascença Clube, no Andaraí, está sempre lotado. O violonista Paulão 7 Cordas aparece por lá frequentemente. O que não falta é gente para incrementar a roda.


— O samba não morre. Sinto que voltamos, na verdade, para o chão, para as ruas, que é onde tudo começou — pontua Paulão, otimista.





Sambista toca tamborim / Foto: Leo Martins - Agência O Globo


Roteiro com novas e velhas rodas de Samba


Sexta-feira


1. Filhos da Guanabara


O grupo se reúne semanalmente no mesmo local onde Zeca Pagodinho deu seus primeiros passos na música. Novidade na área. Endereço:Praça Manet s/nº, Del Castilho. Todas as sextas, a partir das 19h. Grátis. Livre.


2. Pagode do Arlindinho


O cantor faz rodas semanais, sempre homenageando o repertório do pai, Arlindo Cruz. Toca do Gambá: Rua Carlos Gomes 23, Santana, Niterói — 2627-5398. Sex, às 20h30. R$ 20. 18 anos. Renascença Clube: R. Barão de São Francisco 54, Andaraí — 3253-2322. Dom, às 15h. R$ 20. Livre.


3. Sambalis


Há dois meses, a região conhecida como “quadrilátero do álcool” recebe uma batucada sobre a calçada. Restaurante Veja Bem: R. Torres Homem 150, Vila Isabel — 2051-6014. Todas as sextas, às 19h. Grátis. Livre.


Sábado


1. Arruda


O grupo comanda roda com o repertório do novo DVD “Guerreiros do bem". Baródromo: R. do Lavradio 163, Lapa — 2504-5754. Sáb, às 21h. R$ 20. 18 anos.


2. Banda da Conceição


A roda mensal, com o grupo Terreiro de Breque, faz uma mistura de vertentes do gênero. Bar do Geraldinho: Ladeira João Homem, 65, Morro da Conceição, Saúde. Sáb, às 17h. Grátis. Livre.


3. Batuque na Cozinha


O grupo relembra sambas de Noel Rosa e Zeca Pagodinho, em apresentação única. Trapiche Gamboa: Rua Sacadura Cabral 155, Gamboa — 2516-0868. Sáb, às 22h30. R$ 30. 18 anos.


4. Cozido da Portela


O evento mensal da Azul e Branco recebe rodas de samba e pagode. Nesta semana, Sombrinha e os grupos Clareou e Vou Pro Sereno comandam o batuque. Quadra da Portela: Rua Clara Nunes 81, Madureira — 99815-1515. Sáb, às 13h. R$ 30. 16 anos.


5. Samba da Feira


A roda mensal tem lotado os arredores do Engenhão desde o início do ano. Neste fim de semana, Marquinho PQD e Família Macabu são os convidados. Armazém do Engenhão: Rua José dos Reis s/nº, Engenho de Dentro. Todos os sábados, às 15h. Livre.


6. Samba da Filosofia


A reunião mensal de bambas acontece há um ano, e só aumenta. No repertório, clássicos do gênero. Quilombo Aquilah: Rua Florianópolis 908, Praça Seca. Todo o último sábado do mês, às 18h. Grátis. Livre.


7. Samba das estações


O projeto mensal volta ao local com vista deslumbrante para a cidade. Fernando Procópio é o convidado dessa edição. Bar do Omar: R. Sara 114, Santo Cristo — 2223-4249. Sáb, às 17h30. Grátis. Livre.


8. Samba de Raiz


A tradicional roda semanal apresentada por André Ricardo volta a ganhar as mesas amanhã, com nomes como Renato da Rocinha e Juninho Thybau. Renascença Clube: Rua Barão de São Francisco 54, Andaraí — 3253-2322. Sáb, às 17h. R$ 20. Livre.


9. Samba do Xoxó


O evento mensal retorna para as ruas com um convidado especial: Leandro Sapucahy. As datas são divulgadas em página no Facebook. Tijolinho: Rua Barão de Mesquita 850, Andaraí. Sáb, às 15h. Grátis. Livre.


10. Samba dos Partideiros


A roda mensal recebe compositores e bambas renomados, todos os últimos sábados do mês. Nesta edição, André Lara é um dos convidados. Casa dos Partideiros: Rua Soldado Lino Vitor dos Santos 25, Anil. Sáb, às 14h. R$ 10 (com almoço). Livre.


11. Feijão de Noel


A festa mensal promove shows, rodas e ensaios de bateria. Nesta semana, o Grupo Revelação é a principal atração. Quadra da Vila Isabel: Boulevard Vinte e oito de Setembro 382, Vila Isabel — 2578-0077. Sáb, às 13h. R$ 10 (entrada) e R$ R$ 20 (feijoada). Livre.


Domingo:


1. Cacique de Ramos


O clube semanal do samba, fundado em 1961, não é bem uma nova roda, mas torna-se obrigatório em todas as listas. Endereço: R. Uranos 1.326, Olaria — 98543-3821. Dom, às 17h. Grátis. Livre.


2. Confraria do Samba


A roda colocou São Gonçalo na rota do gênero musical, agitando a cidade todas as semanas. No domingo, os convidados são os grupos Pique Novo e Raça. Endereço: Travessa Maria Alice 21, Mutondo, São Gonçalo — 96448-9238. Todos os domingos, às 13h. Grátis. Livre.


3. Jequitibá do Samba


O grupo retoma, no domingo, seu batuque semanal, com clássicos do gênero e composições inéditas. Espaço Catete: Rua do Catete 97, Catete — 96687-3000. Todos os domingos, às 16h. Livre.


4. Samba da Serrinha


Há três anos, os últimos domingos do mês são marcados por festa aos pés do Morro da Serrinha. Programão. Casa do Jongo: Rua Compositor Silas de Oliveira 101, Madureira. Dom, às 13h. Grátis. Livre.


5. Samba Que Elas Querem


O grupo feminino faz apresentações todas as semanas, em locais divulgados na internet. A roda é um fervo só. Bar Dois Irmãos: Rua Pedro Américo 371, Catete. Dom, às 18h. Grátis. Livre.


6. Xande na Roda


Xande de Pilares retoma o evento mensal, com Reinaldo como convidado. No repertório, novidades e clássicos. Clube 4 Linhas: Rua João Vicente 1.231, Bento Ribeiro — 96454-2012. Dom, às 16h. R$ 15. 18 anos.

Comentários