Você deveria evitar usar molho de tomate pronto em suas receitas: entenda por quê

A correria do dia a dia e a falta de tempo para as tarefas domésticas provocam grande impacto na alimentação das famílias, que cada vez mais conta com produtos prontos e industrializados à mesa. O tradicional molho de tomate está entre uma das comidas que mais apresenta diferenças entre versões enlatadas e a caseira.



Molho de tomate pronto faz mal para a saúde


A principal diferença entre molho de tomate pronto e o feito em casa está na quantidade de sódio: enquanto 1 colher de sopa de molho caseiro tem em média 5 mg de sódio, a versão industrializada possui cerca de 120 mg de sódio, dependendo da quantidade de temperos adicionada ao alimento.



Além disso, o molho de tomate enlatado ou vendido em saquinhos tem quase duas vezes mais calorias e gordura que o caseiro e também maiores quantidades de açúcar - cerca de três vezes mais.

Como nem sempre é possível preparar o molho de tomate a cada refeição, especialistas indicam fazer uma grande quantidade do alimento e conservá-lo no congelador.

Assim é possível ter à mão uma opção saudável e prática sem precisar recorrer aos produtos industrializado. E até quem não costuma se arriscar na cozinha vai encontrar facilidade em fazer uma receita simples ,que conta com poucos ingredientes e fica pronto rapidamente.




Receita de molho caseiro
Ingredientes
2 kg de tomate lavados;
2 cebolas picadas;
Folha de louro;
Sal;
Molho de soja;
Pimenta-do-reino

Modo de fazer 
Corte os tomates em pedaços pequenos, retire as sementes. Em uma panela com um pouco de azeite, coloque a cebola e o tomate. Refogue.

Depois de um tempo de cozimento, coloque no liquidificador e bata até virar uma pasta. Acrescente o sal, o molho de soja e um pouco de pimenta.

Leve a panela novamente e adicione a folha de louro, deixe no fogo durante 15 minutos e a receita de molho de tomate caseiro.

Opinião da Preta : Porque se cuidar faz bem !

Comentários