Mahershala Ali , vencedor do Oscar de melhor ator por “Moonlight” - sobre ser afro americano: “Nós somos crianças que foram abusadas”

O ator, vencedor do Oscar de melhor ator por “Moonlight”, é negro e islâmico. Ele se converteu em 1999, depois de visitar uma mesquita com Amatus Sami-Karim, que viria a ser sua esposa e mãe de sua recém-nascida filha.



 O seu primeiro nome, Mahershalalhashbaz, tem origem hebraica, enquanto o sobrenome, Ali, é de origem árabe — o que fez com que ele fosse parar numa lista de suspeitos de terrorismo pós-11 de setembro.


Mahershala Ali está todo lindo estampando a última capa da americana CG!





Mas o clima solar do photoshoot não impediu que assuntos espinhosos fossem trazidos à tona no perfil publicado na revista.
Ele não teve medo de fazer comentários duros sobre o que é ser um afro-americano.

“Eu acho que afro-americanos têm uma relação muito conturbada com o patriotismo”, explicou. “O fato é que nós somos, essencialmente, crianças que foram abusadas. Nós ainda amamos os pais, mas não podemos ignorar o fato de que tivemos uma relação muito conturbada com eles. Eu absolutamente amo este país, mas como muitas pessoas, tenho algumas dúvidas e preocupações reais sobre como as coisas rolaram com o passar dos anos e onde nós estamos. E isso vindo de um lugar de amor, porque eu quero que este país seja o que ele diz ser”.

Ali também conta de episódios em que foi vítima de racismo, indo de ser perseguido em uma loja Barneys a notar pessoas escondendo jóias de valor quando ele entrava no metrô. “São essas experiências que você começa a ter a partir dos dez anos, quando você passa a perceber essas pequenas mensagens de que você é algo a ser temido”.
Fonte : PapelPop

Opinião da Preta : Parabéns ao ator , pela coragem de não ter medo de tocar em assuntos tão espinhosos .

Comentários

  1. Racismo e preconceito por toda parte e ainda há quem diga os negros são vitimistas.

    ResponderExcluir
  2. Racismo e preconceito por toda parte e ainda há quem diga os negros são vitimistas.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Comente , dê sua opinião!
Beijo das Pretas