Bigudinho na transição capilar: o acessório ajuda a cachear as partes que estão alisadas. Confira!



As meninas que estão passando pela transição capilar e não fizeram o big chop para tirar a química dos fios precisam lidar com as duas texturas dos cabelos. Nem sempre é fácil, mas dá para cachear as madeixas usando bigudinhos. Já ouviu falar no acessório? Ele é parecido com os antigos bobes, porém em formatos mais modernos, e define os cachos que estão sem forma. Saiba mais!

O bigudinho é perfeito para quem está em transição capilar
As técnicas de texturização são muito indicadas para quem quer cachos mais definidos e volumosos, porém nem todas elas funcionam para quem está em transição capilar. Isso porque as partes alisadas, ainda com química, não seguram os cachos, que desmancham com facilidade.




Com o bigudinho é outra história!
O acessório é poderoso e modela todos os tipos de fios, mesmo os que ainda não estão completamente naturais. Além disso, ele também não danifica os cabelos na hora de tirar, perfeito para quem está com as madeixas mais fragilizadas por conta da transição.

Existem vários tipos de bigudinhos para cachear os fios
Antigamente, nossas avós e mães usavam os bobes para enrolar os cabelos. Os tempos mudaram e os antigos apetrechos foram substituídos pelos bigudinhos, bem mais modernos, coloridos e, o melhor de tudo, baratinhos!




A escolha do bigudinho
vai depender do tipo de cacho que você quer fazer. O cilíndrico é o formato mais comum, um pouco mais fino no meio e mais grosso nas pontas. Já os modelos em espiral deixam os cachos mais igualados, é só encaixar os fios no acessório. Por fim, os circulares parecem uma borracha flexível. Basta enrolar os fios no bastão e unir as duas pontas, formando um círculo.



Para fazer a técnica com bigudinhos, é preciso ter paciência

Assim como os outros métodos para texturizar os cabelos, o uso do bigudinho requer prática e paciência. Mesmo que sinta um pouco de dificuldade no início - o que é bem comum -, continue tentando porque uma hora você vai conseguir.

Outra dica é deixar o acessório nos fios o máximo de tempo que conseguir. Desse jeito, os cachos ficam ainda mais firmes e duram bastante, principalmente no day after. Além disso, os fios precisam estar totalmente secos antes de retirar os bigudinhos. Se quiser agilizar o processo, recorra ao secador, mas não se esqueça de aplicar um protetor térmico nas madeixas.



Quem está em transição capilar tem que cuidar bem dos fios

A texturização com bigudinho é uma alternativa para modelar os cabelos na transição capilar, mas os cuidados precisam ser reforçados nessa fase, já os fios naturais costumam ficar mais frágeis depois de muito tempo com a química.

A hidratação é o tratamento básico e fundamental nesse período, mas não deixe de lado a nutrição, para repor a oleosidade que os cachos precisam. A umectação com óleo de coco é perfeita para isso! Se você faz uso de coloração, aposte na reconstrução também.
Fonte : Fique Diva com Niely

Opinião da Preta: Aproveite a dica e brilhe 

Comentários